fbpx

Entenda como planejar a margem de lucro na venda de carros usados

6 minutos para ler

Existem diversas métricas que afetam diretamente a saúde financeira de um negócio, apontando se a empresa tende a apresentar bons resultados ou sofrer prejuízos no futuro. Uma delas é a margem de lucro, um dos indicadores mais importantes de qualquer planejamento econômico.

A margem de lucro consiste em uma porcentagem acrescentada ao custo de um produto ou serviço, gerando assim o seu preço final e impactando positivamente no balanço. Ela ainda permite a compreensão do quanto a organização deve lucrar com vendas e prestação de serviços.

É impossível cravar uma margem ideal, pois ela recebe a influência de diferentes fatores — como as condições do mercado, a aceitação do público e o ramo de atuação, por exemplo. No entanto, dá sim para se planejar no dia a dia buscando aumentar a margem de lucro na venda de carros usados. Quer saber como? Acompanhe o post!

Apresente um atendimento diferenciado

Quando uma empresa oferece um atendimento diferenciado aos clientes, eles tendem a voltar mais vezes no futuro e até mesmo a pagar um valor superior pelo produto ou serviço adquirido. Afinal, as pessoas querem ser bem tratadas e valorizam bastante experiências exclusivas.

Portanto, uma abordagem inteligente significa entregar um atendimento de qualidade aos consumidores, definindo preços maiores para aumentar a margem de lucro. Você pode investir em inúmeros aspectos para isso, como o processo de venda, a apresentação do serviço, o ambiente de trabalho etc.

Monte um portfólio diversificado

Um motorista que troca de carro regularmente está sempre à procura de novidades, assim como quem deseja adquirir seu primeiro veículo. Nesse sentido, oferecer um portfólio diversificado com modelos e serviços é outra tática valiosa para incrementar a margem de lucros na venda de carros usados.

A aquisição de um automóvel não acontece de maneira isolada, pois o motorista também precisa de equipamentos de segurança e do serviço de revisão periódica, por exemplo. Quer elevar a margem de lucro? Oferecer pacotes combinados de serviços é uma ótima estratégia, já que assim os consumidores saem da loja muito mais satisfeitos.

Aplique a matriz BCG

O Boston Consulting Group é uma empresa de consultoria empresarial que criou a clássica matriz BCG, ferramenta que divide os produtos e serviços presentes no portfólio de um negócio em fases de desenvolvimento. São elas:

  • Interrogações: os produtos ainda estão em fase de lançamento e é impossível descobrir se serão aceitos no mercado;
  • Estrelas: eles chegam a uma fase madura e ficam prontos para o consumo;
  • Vacas Leiteiras: os itens contam com boa participação de mercado e ótimas margens de lucro;
  • Abacaxis: é a fase final de vida dos produtos, quando eles geram mais custos de manutenção, suporte e atendimento, além de serem difíceis de se retirar do mercado.

Mas afinal, o que fazer com essa divisão de fases propostas pela matriz BCG? Basicamente, os dados de cada produto devem ser analisados de modo individual e inseridos em uma das quatro classificações, de acordo com os critérios.

Após essa classificação, você consegue planejar outras estratégias e criar metas para melhorar o desempenho de um produto, levando-o para a fase seguinte. Se um concorrente lançou um novo serviço e transformou sua Vaca Leiteira em um Abacaxi, por exemplo, é hora de ampliar seu portfólio para reposicionar a marca no mercado.

Se posicione claramente para atrair os clientes certos

Você já questionou os motivos pelos quais algumas marcas apresentam bons resultados mesmo em tempos difíceis no cenário econômico? Uma das principais razões é que esses negócios sabem se posicionar claramente.

Ao adotar um posicionamento assertivo, sua empresa atrai os clientes certos e faz com que eles tenham ciência do que estão adquirindo. E consumidores felizes, como você deve imaginar, ajudam a gerar novos negócios para a loja. De quebra, todos os envolvidos ficam satisfeitos e saem ganhando.

Promova uma política de redução de custos

Infelizmente é impossível falar sobre incrementos à margem de lucro e deixar de lado a redução de custos. Mas não precisa se preocupar, pois você pode eliminar os gastos da empresa de maneira estratégica e inteligente.

Acha que reduzir custos significa apenas diminuir o quadro de funcionários? Muito pelo contrário: apesar de funcionar no curto prazo, essa prática, com o passar do tempo, deixa claro que os gastos com demissões e contratações de novos profissionais costumam ser mais altos do que o desejado.

O ideal é criar uma política que comece pelo básico:

  • promova o consumo consciente, diminuindo gastos diversos como água, energia, papel, materiais de escritório, entre outros;
  • renegocie o contrato com fornecedores buscando otimizá-los, mas sem prejudicar a qualidade dos produtos, é claro;
  • elimine desperdícios;
  • capacite os profissionais da equipe para evitar erros e retrabalhos.

Faça uma avaliação adequada de veículos

Essa etapa não pode faltar se você pretende aumentar a margem de lucro na venda de carros usados. Alguns modelos agradam mais os clientes e são vendidos rapidamente, enquanto outros podem ficar meses parados na loja por não estarem de acordo com as preferências do público-alvo do negócio.

Além disso, a taxa de depreciação de veículos também deve pesar na balança, sobretudo em lojas de veículos usados e seminovos. Basicamente, essa taxa estipula o quanto um carro perderá valor no decorrer dos anos, segundo características como ano de fabricação e número de quilômetros rodados.

Se você apostar em carros com poucos anos de uso, que sejam populares e tenham alta tecnologia embarcada, vai fazer um investimento em modelos com uma baixa taxa de desvalorização, conseguindo assim aumentar sua margem de lucro. Portanto, realize uma avaliação adequada dos veículos e adquira apenas aqueles que terão mais saída.

Empresas que se preocupam em elevar receitas a partir de abordagens baseadas em estratégias eficientes são aquelas que tendem a atrair mais clientes e a ganhar vantagem competitiva, chamando a atenção no mercado.

Se seguir as dicas que apresentamos ao longo do artigo, você consegue não somente aumentar a margem de lucro na venda de carros usados, mas também se destacar cada vez mais em médio e longo prazo.

Quer conferir outros conteúdos relevantes para qualificar os resultados de seu negócio? Então siga as nossas redes sociais e não perca nenhuma novidade — estamos no Facebook, Instagram e LinkedIn!

Posts relacionados

Deixe um comentário